- Advertisement -

Hospital Regional de Ceilândia passa por reforma completa

- Advertisement -spot_imgspot_img
- Advertisement -spot_imgspot_img

Em seus 40 anos de existência a serviço da população do Distrito Federal, o Hospital Regional de Ceilândia (HRC) recebe a primeira grande obra de reforma. Os reparos abrangem vários setores, como a ortopedia que, após a finalização dos serviços, vai ampliar a capacidade de atendimento.

No corredor central, porta de entrada da unidade, pisos estão sendo trocados por granitina, um material mais resistente e de fácil limpeza, e as paredes de azulejos, substituídas por cerâmica | Fotos: Breno Esaki/Agência Saúde-DF

“O HRC necessitava dessa modernização. Trocamos pisos, revestimentos, e parte elétrica e hidráulica de vários setores. Também fizemos a sinalização das áreas do hospital e atendemos as exigências das normas de segurança do Corpo de Bombeiros Militar do DF, que realizou todas as vistorias”, explica a superintendente da Região de Saúde Oeste, Lucilene Florêncio.

“Tanto o usuário quanto os trabalhadores que atuam no HRC merecem estar numa ambiência melhor, num local de mais fácil higienização e que atenda a todas as normas sanitárias”
Lucilene Florêncio, superintendente da Região de Saúde Oeste

Os trabalhos são executados por meio do contrato de manutenção predial. De acordo com Lucilene Florêncio, o corredor central, que é a porta de entrada da unidade, há muitos anos pedia uma reforma. Pisos estão sendo trocados por granitina, um material mais resistente e de fácil limpeza, e as paredes de azulejos, substituídas por cerâmica.

Ortopedia

A ortopedia está passando por reforma completa e, em breve, poderá ampliar os atendimentos prestados. Os trabalhos ocorrem em oito enfermarias, seis banheiros, na sala de procedimentos e no posto de enfermagem. Esses espaços vão receber troca de piso, pintura e mobiliário, como novas cadeiras para acompanhantes.

As portas das enfermarias estão sendo ampliadas de 70 cm para 120 cm, o que facilitará a entrada das macas no local. Além disso, a iluminação do setor será toda revitalizada. Para a superintendente, as mudanças são um ganho para todos.

A primeira grande reforma do HRC em 40 anos inclui troca de pisos e revestimentos e renovação das redes elétrica e hidráulica

“Tanto o usuário quanto os trabalhadores que atuam no HRC merecem estar numa ambiência melhor, num local de mais fácil higienização e que atenda a todas as normas sanitárias da Anvisa e da Vigilância Sanitária”, destaca Lucilene Florêncio.

Ambulatório

Os pacientes que usam os serviços do ambulatório sentirão a diferença em breve. O forro do setor foi trocado por um novo e a parte elétrica, por ser muito antiga, foi renovada por completo, trazendo mais segurança. Os banheiros feminino e masculino também receberam cuidado especial e a sala de fisioterapia ganhou piso e pintura das paredes.

A lavanderia recebeu duas máquinas de lavar e uma secadora de roupas. A chegada desses equipamentos possibilitará maior eficiência em menos tempo, já que a lavanderia do HRC recebe demandas de várias UBSs da região Oeste.

A sala da tomografia vai passar por manutenção e receberá dois novos tomógrafos. A expectativa é aumentar a oferta desse exame para toda a rede pública de saúde

Pediatria

O setor destinado ao atendimento emergencial para as crianças ganhou um ar lúdico. Um artista local presenteou a unidade com desenhos na entrada e no interior da recepção, utilizando a técnica do grafite e deixando o ambiente mais leve e mais colorido para receber os pequenos pacientes.

A radiologia também passou por adequações. A sala da mamografia foi totalmente revisada, do chão ao teto, bem como a sala de raio-x, que recebeu iluminação, pintura e a construção de um novo biombo baritado (ambiente que abriga e protege da radiação o profissional de radiologia durante o exame de raio-x).

Ainda nesse setor, a sala da tomografia vai passar por manutenção a partir desta segunda (25) e receberá dois novos tomógrafos. O primeiro já está na unidade, aguardando instalação, que ocorrerá em breve; o segundo está previsto para ser entregue à unidade em novembro. Com a chegada dos novos equipamentos, a expectativa é aumentar a oferta desse exame para toda a rede pública de saúde.

A superintendente diz estar muito feliz e orgulhosa por ocorrerem durante sua gestão benfeitorias que perduram por longos anos. “Essa é a nossa alegria. Em resumo, estamos atendendo as exigências das normas regulamentares e melhorando a ambiência, dando melhores condições de trabalho e de segurança aos profissionais e maior conforto para a população. Este é um momento de grande avanço e transformação dentro do HRC”, finaliza Lucilene Florêncio.

*Com informações da Secretaria de Saúde do DF



Source link

- Advertisement -spot_imgspot_img
Latest news
- Advertisement -spot_img
Related news
- Advertisement -spot_img