DF recebeu mais de 90 novos papa-lixos este ano – Agência Brasília

Author

Categories

Share

O Serviço de Limpeza Urbana (SLU) instalou, desde o início do ano, mais de 90 papa-lixos em todo o Distrito Federal. Ao todo, 19 regiões administrativas já receberam, neste ano, os equipamentos que fazem parte da primeira etapa de instalações. Nesta sexta-feira (28), dois desses papa-lixos foram inaugurados na região do Parque Gatumé, em Samambaia.

Equipamento com capacidade de até 5 m³ evita o descarte irregular e suas consequências | Fotos: Divulgação/SLU

As inaugurações contaram com a presença do diretor-presidente do SLU, Silvio de Morais, de representantes da autarquia e da empresa Sustentare, contratada do SLU que atua na região, além de moradores locais.

Para escolher onde são colocados os equipamentos, a equipe técnica do SLU identifica pontos de acordo com sugestões enviadas pelo grupo executivo, pela população (via ouvidoria) e outros órgãos do GDF

Os equipamentos chegam para reforçar a destinação correta dos resíduos orgânicos e indiferenciados e estão localizados na QS 427, conjunto A, lote 1 e na ADE Oeste, QS 827, conjunto 1. “O papa-lixo é um equipamento muito importante para a cidade e que deve ser preservado. A população não deve descartar nele o que é reciclável, apenas os resíduos domiciliares da coleta convencional, ou seja, os orgânicos e indiferenciados. Utilizar corretamente e preservar são as melhores opções”, destacou o diretor-presidente do SLU, Silvio de Morais.

O papa-lixo é um contêiner semienterrado, com capacidade de até 5 m³, que possibilita o armazenamento dos resíduos orgânicos e indiferenciados (coleta convencional) de forma segura e limpa, especialmente em áreas urbanas e rurais de difícil acesso aos caminhões de coleta. Assim, ajuda a evitar o descarte irregular e suas consequências. O morador de Samambaia, Odilon de Freitas, comemorou a chegada do equipamento. “Ganhamos mais um presente do GDF. O papa-lixo é importante para todos nós e peço o apoio da comunidade para preservarmos essa obra”, disse.

A segunda etapa de instalação dos papa-lixos deve começar ainda no primeiro semestre. Serão mais 127 equipamentos em regiões a serem definidas pela equipe técnica

Até o momento, na primeira etapa de instalações, 19 regiões administrativas receberam papa-lixos: Cruzeiro (8), Itapoã (2), Sobradinho (1), Sudoeste Octogonal (20), Lago Norte (3), Samambaia (6), Ceilândia (1), Taguatinga (1), Sol Nascente/Pôr do Sol (1), Brazlândia (12), Gama (4), Santa Maria (5), Recanto das Emas (4), Riacho Fundo II (8), Park Way (1), SCIA (7), Jardim Botânico (3), Arniqueira (3) e Núcleo Bandeirante (2).

Dois equipamentos foram inaugurados nesta sexta-feira (28) na região do Parque Gatumé, em Samambaia

Localização

Para escolher onde são colocados os equipamentos, a equipe técnica do SLU identifica pontos de acordo com sugestões enviadas pelo grupo executivo, pela população (via ouvidoria) e outros órgãos do GDF. Depois da análise técnica, que leva tempo e requer estudos minuciosos, há requisição para a empresa contratada adquirir o equipamento e instalá-lo. A partir daí, o serviço de coleta passa a ser diário.

Segunda etapa

A segunda etapa de instalação dos papa-lixos deve começar ainda no primeiro semestre. Serão mais 127 equipamentos em regiões a serem definidas pela equipe técnica. A terceira e última etapa também deve começar neste ano e se estender até o início de 2022, com outros 127 dispositivos, totalizando 352 novos papa lixos no Distrito Federal nas três fases.

Até o início de 2021, já havia 102 papa-lixos instalados e operantes no Distrito Federal. Com os novos investimentos, serão 454 contêineres disponibilizados para atender a população. Para saber mais informações sobre o papa lixo, acesse o site do SLU.

 

*Com informações do SLU



Source link

Author

Share