- PUBLICIDADE -

Volkswagen ID.Life aponta para mudança de estilo na marca alemã

Author

Categories

Share

A Lucid Motors continua sua campanha de lançamento do Air, seu primeiro modelo e um declarado anti-Model S. Em sua batalha para vencer o arquirrival da Tesla, o produto recebe agora da EPA, uma boa notícia.

Certificado pela agência ambiental americana, o Lucid Air tem oficialmente autonomia para rodar 832 km com uma única carga. Isso é bem mais que o Tesla Model S, que faz 644 km sob as regras do órgão federal dos EUA.

Para o luxuoso americano também supera outro importante rival, o Mercedes-Benz EQS, chega alcança 770 km no ciclo WLTP. Isso mostra como a tecnologia de baterias está evoluindo para um nível em mesmo pensado em carros comuns a combustão.

VEJA TAMBÉM:

Na China, algumas marcas de carros elétricos já falam em autonomia de 1.000 km no ciclo NEDC, o que dá pouco mais que o Lucid Air pode fazer.

Claro, estes produtos do gigante asiático nunca foram testados sob as regras da EPA ou do WLTP, mas será interessante observar isso quando ocorrer.

Até poucos anos, o carro elétrico era visto como um veículo limitado pela infraestrutura e pela capacidade das baterias, mas hoje em dia, a autonomia de 1.000 km parece ter virado uma ambição para muitas marcas.

Na Lucid, vencer a Tesla em números é um importante motivo para a empresa continuar explorando mais as baterias de lítio. Ainda que suas opções comecem aos 654 km, o Air busca mesmo é alcances longos.

Nesse caso, a EPA certificou ainda outras duas versões, as Dream Edition Performance e Grand Touring, que alcançam oficialmente 830 km. Antes do resultado, a Lucid já havia demonstrado o alcance do Air acima dos 800 km.

Por ora, com o alcance definido, a Lucid Motors agora focará na entrega do novo carro, que será acompanhado por um SUV de seis assentos. Já o Air, inicia sua carreira com preços altos, partindo de US$ 77.400 na versão Pure com 488 cavalos.

AUTOMOTIVO





Source link

Author

Share