Vacinação chegará para pessoas com mais de 20 anos até o fim da semana – Agência Brasília

Author

Categories

Share

Começa nesta terça-feira (10) a aplicação da vacina contra covid-19 para pessoas com 25 anos ou mais em 80 pontos de vacinação espalhados pelo Distrito Federal, sem a necessidade de agendamento. A Secretaria de Saúde destinou mais de 178 mil doses para a aplicação de D1 e 36 mil de D2 que chegaram ao DF no fim de semana. O público de 25 a 29 anos soma 300 mil pessoas.

Em coletiva de imprensa na tarde desta segunda-feira (9), os secretários de Saúde, Osnei Okumoto, e o da Casa Civil, Gustavo Rocha, afirmaram que o Ministério da Saúde confirmou que vai enviar mais 153 mil doses ao DF nesta segunda-feira (9) ao DF e confirmaram que, assim, será aberto na próxima quinta-feira (12) o mutirão para pessoas com mais de 20 anos, como anunciou o governador Ibaneis Rocha em suas redes sociais.  

“A aplicação da vacina da Pfizer exige a utilização de uma seringa especial, que também é oferecida pelo Ministério da Saúde, mas elas  só chegam na quarta-feira (11), justificou Gustavo Rocha.

Segundo ele, o DF aplicou 67.586 doses de vacinas da última sexta-feira (6) até domingo (8), 49.173 delas de D1 e 18.413 de D2. Número que mostra que a procura pela imunização completa com as duas doses está acima do esperado. “A expectativa era vacinar 13.517 pessoas com a segunda dose”, disse o secretário.

A lista de onde se vacinar nesta terça-feira (10) está disponível no site da Secretaria de Saúde. As Unidades Básicas de Saúde (UBS) abrem às 8h e os postos drive-thru, às 9h. Gustavo Rocha considerou a estratégia usada pela Secretaria de Saúde para vacinar a população adequada. “No primeiro dia tem fila, mas nos outros dias a vacinação ocorre de maneira muito tranquila”, ressaltou.

Comorbidades

De acordo com os gestores, 7.219 adolescentes com comorbidades se cadastraram e 5.231 agendaram dia e horário para a vacinação. No momento, o agendamento para este público está fechado e novas vagas serão abertas em breve. Um total de 10 mil vagas já foram abertas para jovens de 12 a 17 anos com comorbidades.

O secretário de Saúde, Osnei Okumoto, contou que a Diretoria de Vigilância Epidemiológica está acompanhando os pacientes infectados pela variante Delta e garantiu que não há caso grave entre eles.

“Das 75 amostras detectadas com a variante Delta, 67 são de residentes no DF, sete em Goiás e um, em Minas Gerais”, afirmou. Gustavo Rocha disse que a taxa de transmissão segue acima de 1, mas ressaltou que o sistema de saúde do DF está pronto para atender possíveis casos da doença.

Galeria de Fotos



Source link

Author

Share