Sejuv promove seminário Jovens Antenadas na Era “Figital” – Agência Brasília

Author

Categories

Share

“Promoveremos o diálogo e o encontro, mesmo que virtual, entre nossas jovens e tantos referenciais de sucesso em suas respectivas áreas de atuação que certamente irão inspirar as jovens a empreender, buscando a realização de seus sonhos”Kedson Rocha, secretário de Juventude

As últimas décadas foram marcadas por lutas pela igualdade de gênero. As mulheres conquistaram independência e vêm ocupando espaços que, antes, eram exclusivos dos homens. Nesse cenário, o empreendedorismo feminino traz importantes contribuições para a sociedade. E apesar de, cada vez mais, as empresárias estarem atuando no mercado, é incontestável que o mundo dos negócios ainda impõe obstáculos extras a elas.

Pensando nesse universo e na necessidade de promover ações que possam ajudar o empreendedorismo das jovens mulheres por meio da capacitação, aperfeiçoamento e contribuição com o seu desenvolvimento profissional, e encerrando a programação do Mês da Juventude, acontecerá no próximo dia 31, no auditório do Centro Universitário do Iesb, o Seminário: Jovens Antenadas na Era “Figital”, com ações para dar visibilidade a temas de interesse de jovens entre 15 a 29 anos. O termo “figital” está sendo utilizado para refletir o “novo normal” que são eventos físicos e, ao mesmo tempo, digitais.

Para Kedson Rocha, secretário de Juventude do Distrito Federal, o evento vem para fechar com chave de ouro o mês da juventude. “Como secretaria, buscamos sempre levar aos jovens o acesso à informação e à qualificação. Promoveremos o diálogo e o encontro, mesmo que virtual, entre nossas jovens e tantos referenciais de sucesso em suas respectivas áreas de atuação que certamente irão, por meio de suas falas e vivências, inspirar as jovens a empreender, buscando a realização de seus sonhos”, declara.

“É hora de vencermos o medo e usarmos a educação como ferramenta da vitória necessária”, destaca a professora Eda Machado, fundadora e mantenedora do Iesb.

O empreendedorismo jovem não é mais uma novidade. Diversas pessoas entre 15 e 29 anos estão ingressando no mercado de trabalho por meio da inovação, tirando suas ideias do papel e colocando-as em prática para criar sua própria empresa.

Dados do Governo Federal divulgados em 2020, mostram que o brasileiro nunca empreendeu tanto como agora, com destaque para os jovens, que buscam oportunidades em um mercado cada vez mais concorrido, criativo e inovador.

“Este seminário visa orientar as mulheres na busca do seu desenvolvimento profissional, além da importância em fomentar a eliminação de toda e qualquer forma de discriminação e, principalmente, da violência contra a mulher”Bernardeth Martins, presidente da BPW Brasília-DF

O número de novos negócios do país bateu recorde em 2020, mais de 14 milhões de brasileiros se tornaram empreendedores em meio à pandemia de covid- 19, segundo relatório da Global Entrepreneurship Monitor (GEM) 2020.

A pesquisa mostrou que 52,1% dos brasileiros conhecem pelo menos uma pessoa que abriu algum negócio por conta da pandemia, sendo que o crescimento expressivo da atividade empreendedora aconteceu entre as mulheres, jovens (18 a 24 anos) e os mais velhos (55 a 64 anos).

“As mulheres no Brasil, assim como no mundo, ainda lutam por seu espaço no mercado de trabalho e direitos iguais. Apesar das dificuldades e desafios, elas batalham por seus sonhos e concretizam ações que não apenas transformam suas vidas, mas que impactam a de outras pessoas também”, explica Bernardeth Martins, presidente da BPW Brasília-DF.

“É importante incentivar a participação das jovens em espaços de tomada de decisão a nível local, nacional e global. Daí a necessidade da capacitação e do conhecimento. Este seminário visa orientar as mulheres na busca do seu desenvolvimento profissional, além da importância em fomentar a eliminação de toda e qualquer forma de discriminação e, principalmente, da violência contra a mulher”, acrescenta ela.

Tudo incorporado à nova realidade, respeitando todos os protocolos de distanciamento e enfrentamento à covid-19, a iniciativa da BPW Brasília-DF (Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais de Brasília-DF), por meio da sua BPW JOVEM, contou ainda com o patrocínio do Centro Universitário do Iesb e do apoio da Secretaria de Juventude do DF.

Também apoiam o evento instituições como Sindivarejista-DF (Sindicato do Comércio Varejista); Abrasel-DF (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes), Fórum de Mulheres do Mercosul-DF, Rede Internacional de Proteção à Vítima – Laço Branco Brasil, Asbac Brasília (Associação dos Servidores do Banco Central), das empresas Cirandinha, Pizzaria Donna, Escola Fashion Campus, Espaço Luciana Santos, Flávia Soares Consultoria, Café Fratelli, Poderamente e do Restaurante Mayer Sabores do Brasil.

O público poderá participar do evento por meio da transmissão, ao vivo, que será realizada pelo canal do YouTube do Iesb e todas as participações ficarão gravadas nesse mesmo canal para quem desejar assistir posteriormente.

Serviço

Seminário Jovens Antenadas na Era “Figital”
Data: 31 de agosto de 2021
Horário: 9h às 19h
Programação: palestras, debates e oficinas transmitidos ao vivo pelo canal do YouTube do Centro Universitário Iesb nas seguintes temáticas: Gestão Feminina, A Inserção da Jovem no Mercado de Trabalho, Empreendedorismo Jovem, Não à Violência Contra a Mulher, Violência e Assédio no Trabalho.
Link manhã: https://youtu.be/CeNheQHu4fc
Link tarde: https://youtu.be/Tsk0RqAgb-o
Programação completa: www.bpwdf.org.br

 

*Com informações da Sejuv



Source link

Author

Share