- PUBLICIDADE -

Dia Estadual das Quebradeiras de Coco Babaçu é comemorado em frente ao Palácio dos Leões

Author

Categories

Share

Dia Estadual das Quebradeiras de Coco Babaçu, em frente ao Palácio dos Leões
(Foto: Karlos Gêromy)

O Governo do Maranhão realizou, neste sábado (25), em frente ao Palácio dos Leões, uma feira em comemoração ao Dia Estadual das Quebradeiras de Coco Babaçu. O evento, com atividades culturais e comércio de produtos das palmeiras, contou com a presença do governador Flavio Dino, do secretário Rodrigo Lago (Agricultura Familiar), e da cozinheira Paola Carosella, que esteve em São Luís para participar de inauguração do IEMA Gastronomia.

“Promovemos aqui a política pública de apoio à agroecologia, à sócio-biodiversidade, especialmente naquilo que se refere às quebradeiras de coco. Nós temos uma linha de trabalho permanente de apoio a produção familiar, com assistência técnica, com a busca de regularização das terras e também com programa de compra. Nós compramos a produção exatamente para estimular aqueles que se dedicam a essa atividade. E esse dia estadual tem essa marca que nós estamos encerrando o ciclo com o edital que comprou produtos das quebradeiras de coco, garantindo renda, estimulando essa atividade e iniciando outros ciclos, na medida que hoje anunciei um outro edital especial agora, nesse finalzinho de ano, para exatamente estimular ainda mais a produção”, disse o governador Flávio Dino.

As quebradeiras de coco babaçu, que se autointitulam “Filhas da Mãe Palmeira”, são conhecidas por serem mulheres guerreiras, que desde 1991 se uniram para lutar por autonomia, qualidade de vida e para proteger as florestas de babaçuais, onde vivem e trabalham.

Foi a partir da união e resistência das quebradeiras de coco dos estados do Maranhão, Pará, Tocantins e Piauí, que teve início o Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu (Miqcb), com sede no Maranhão.

“É um dia de festa, trouxemos quebradeiras de coco de todo o estado para celebrar este dia. Nós temos vários investimentos nessa área e não vamos parar. Viva as quebradeiras de coco do Maranhão”, celebrou Lago.

O governo maranhense, por meio do Sistema da Agricultura Familiar (SAF), vem investindo recursos em projetos que fortalecem a cadeia agroextrativista do babaçu no Maranhão. São investimentos que incluem desde a organização produtiva, beneficiamento da produção, até a comercialização dos produtos, todos extraídos do coco babaçu.

>





Source link

Author

Share