- PUBLICIDADE -

Site do STF fica fora do ar após suposto ataque hacker

Author

Categories

Share


O site do Supremo Tribunal Federal (STF), que está fora do ar desde a noite desta quinta-feira (6), pode ter sido alvo de um ataque hacker. Ao entrar no site do tribunal, o usuário vê apenas uma mensagem informando que o portal está em manutenção com um link direcionando para o serviço de peticionamento eletrônico.

Mensagem mostrada na tela inicial do site do STF. Crédito: Captura de tela/Olhar Digital

Segundo informações do jornalista Diego Escoteguy, do site O Bastidor, a suposta invasão pode ter ocorrido após um ataque por meio de SQL, um método bastante utilizado para invasões desse tipo. Agora, peritos investigam se o invasor teve acesso a dados sensíveis do STF, mas a extensão do suposto ataque ainda é desconhecida. 

publicidade

De acordo com Escoteguy, o site está fora do ar porque após a detecção da invasão, técnicos do Supremo acionaram os protocolos de segurança da rede para encontrar e deter o hacker. O acionamento desses mecanismos acaba retirando o site do ar para usuários comuns. No entanto, servidores já pressionam a equipe de tecnologia da informação para que o reestabelecimento seja feito de maneira rápida e discreta. 

Não é a primeira vez

Hacker “sincerão” invadiu os sistemas DataSUS e FormSUS no início do ano. Crédito: NoMinuto

Essa não é a primeira vez que os sistemas do poder judiciário se mostram vulneráveis a ataques, no final de 2020, os servidores de e-mail do Superior Tribunal de Justiça (STJ) foram atacados e arquivos do sistema foram “sequestrados” com criptografia e ficaram inacessíveis para todos os servidores do tribunal. 

Na ocasião, o criminoso pediu um valor em criptomoedas para liberar o acesso aos dados. Estima-se que todo o sistema, composto por 1.200 máquinas virtuais e seus respectivos backups foi afetado, causando um grande prejuízo. 

Leia mais: 

Mas a insegurança cibernética não é exclusividade do judiciário, no início desse ano, o site do Ministérios da Saúde também foi invadido em um episódio inusitado. Na ocasião, o hacker apontou as falhas no sistema da pasta e chegou a debochar da segurança dos sistemas DataSUS e FormSUS: “ESTE SITE ESTÁ UM LIXO! Qualquer criança consegue invadir este excremento digital, causar lentidão e até estragos maiores”, disse o invasor na ocasião. 

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal! 





Source link

Author

Share