- PUBLICIDADE -

Dólar emenda 6 semanas de queda e vai à mínima desde janeiro puxado por exterior e BC

Author

Categories

Share


(Getty Images)

SÃO PAULO (Reuters) – O dólar voltou a cair nesta sexta-feira, fechando numa mínima em quase quatro meses e contabilizando a maior queda semanal desde dezembro, com reação a ingressos de recursos e a um contínuo movimento de desmonte de posições compradas na moeda norte-americana por perspectiva de mais alta de juros no Brasil e de permanência de estímulos globais.

A cotação chegou a operar em alta logo no começo do pregão, indo a uma máxima de 5,2963 reais (+0,33%), mas às 9h30 despencou e seguiu em queda até bater uma mínima de 5,2047 reais (-1,40%) por volta de 12h.

A queda drástica ocorreu logo após os Estados Unidos reportarem geração muito menor de vagas de emprego em abril, o que alimentou expectativas de que o banco central norte-americano (Fed) manterá bilhões de dólares em estímulos por ainda mais tempo, sem subir a taxa de juros.

Assista no curso gratuito Dominando a Renda Passiva.





Source link

Author

Share