instituto confirma caso da variante indiana em São Paulo

Author

Categories

Share


(Getty Images)

O Instituto Adolfo Lutz identificou um caso da variante B.1.617.2, proveniente da Índia. O caso foi identificado em um morador de 32 anos da cidade de Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro, que viajou para a Índia e desembarcou no aeroporto de Guarulhos no dia 22 de maio.

Esse passageiro circulou pelo aeroporto de Guarulhos, fez um exame RT-PCR para a detecção do novo coronavírus e, antes de obter o resultado, embarcou para o Rio de Janeiro. De lá, seguiu para Campos dos Goytacazes.

Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o passageiro embarcou da Índia para o Brasil com um exame negativo para o novo coronavírus. Ele fez o exame de RT-PCR 72 horas antes de embarcar, exigência prevista para todos os passageiros. O exame deu negativo e ele não apresentava sintomas da doença. Quando desembarcou no aeroporto de Guarulhos, ele não relatou aos agentes da Anvisa que apresentava sintomas.

Clique aqui para se inscrever.





Source link

Author

Share